Nossa Anadia, Nossa Notícia.

O conteúdo que Anadia merece.

Municípios

Uneal inicia obras para construção de um museu em Pão de Açúcar Quarta-Feira, 18 de Maio de 2016

As obras para a construção do Espaço de Memória Artesão Fernando Rodrigues dos Santos, no povoado Ilha do Ferro, em Pão de Açúcar, no interior de Alagoas, foram iniciadas, nesta segunda-feira (9). O museu vai reunir peças dos artistas locais, que incluem escultoreas e bordadeiras, com vistas à preservação da memória e congregação do trabalho realizado pela comunidade num espaço museológico apropriado.

Com uma população de cerca de 450 pessoas, a Ilha do Ferro, situada às margens do Rio São Francisco, guarda um tesouro da arte popular alagoana. Homens e mulheres que, paralelamente à vida na roça, na pesca e nos afazeres domésticos, produzem peças únicas, impregnadas de identidade, tradição e cultura.

Foi neste contexto que o Núcleo de Pesquisa em Literatura e Artes Visuais (Nuplav), do Campus V da Universidade Estadual de Alagoas (Uneal), cadastrado no CNPq e coordenado pelo professor Jairo José Campos da Costa, encontrou amplo campo para investigações científicas que resultaram no projeto de criação do museu e no seu projeto de tese recentemente aprovado pelo Programa de Pós-Graduação em Letras da Universidade Estadual de Maringá (UEM). “É uma forma de reconhecer a arte popular alagoana e alavancar a autoestima local, em região fronteiriça entre os Estados de Sergipe e Alagoas”, enfatiza Jairo Campos.

A construção, cujo projeto arquitetônico é assinado pelo arquiteto Rafael Gomes Brandão, é financiada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), com contrapartida da Universidade, por meio de Auxílios ao Pesquisador. A museóloga Carmem Lúcia Tavares Almeida Dantas também participa da iniciativa, como museóloga responsável.

O prédio no qual será construído o Espaço de Memória foi doado pela Prefeitura de Pão de Açúcar, através da lei municipal n0. 456, de 13 de outubro de 2015. A doação foi autorizada pelo prefeito da cidade, Jorge Dantas e apoiada pela Câmara Municipal, que aprovou a referida lei. “O espaço é pequeno, com quatro metros de frente e dez metros de fundo, mas será um importante ambiente de apreciação estética onde as pessoas poderão entrar em contato com os principais artistas da Ilha do Ferro”, explicou Jairo Campos.

A previsão é de que o Espaço de Memória Artesão Fernando Rodrigues dos Santos seja inaugurado em agosto, durante a festa do padroeiro do povoado.



Fonte: Sete segundos







// Deixe seu comentário

// Curta no Facebook